Can you hear me, Major Tom?

Passei as primeiras horas da manhã ouvindo a Space Oddity e pensando se deveria ou não escrever sobre David Bowie mais uma vez. A resposta aos posts de janeiro e fevereiro foi boa e eu não poderia estar mais feliz por ver tanta gente se abrindo para conhecer as músicas do Camaleão e outros que já chegaram dividindo comigo essa paixão. O legado é eterno…

A morte de David me fez perceber que ele tinha ainda mais influencia na minha vida do que eu jamais imaginei. Foram páginas e páginas de reflexão em meus cadernos, planos e novas metas de vida estabelecidas. Para mim, Bowie será sempre uma inspiração.

E é certo que, no futuro, ele será assunto aqui de novo, não tem como evitar! Hoje, porém, não vou me prolongar muito. Deixo aqui para vocês com podcast – um PontoCast especial – que gravei com os amigos do PontoJao dois dias depois de recebermos a fatídica notícia e que foi ao ar por lá no dia 02 de fevereiro. Foi feito com muito amor, ainda com muito aperto no coração e lágrimas nos olhos.

castbowie
Aperte o play para ouvir!

 

E sim, é longo. Impossível não ser. Bowie rende assunto para uma vida inteira!

Can you hear me, Major Tom?
Can you hear me Bowie?

Anúncios

24 comentários sobre “Can you hear me, Major Tom?

  1. You should always write about what you love and what’s influenced you. Bowie influenced a lot of music and culture especially with my generation, and he continues to have influence, even with your generation.

    Curtido por 1 pessoa

      1. You don’t write about him on every post, and I don’t mind getting your Bowie perspectives, but I understand your concern. If you think you are doing too much Bowie on regular posts, but still want to discuss him, his music and his cultural influences, you could add a Bowie page to the blog, then his page is understandably all about Bowie.

        Curtido por 1 pessoa

        1. Interesting ideia!
          A few days before the release of the new/last album, I wrote a post. Then he died and I “stopped” the blog for a week. And after that, I wrote about him 3 other times! haha
          Don’t know if I’ll follow your suggestion, but it’s really good to know you understand and enjoy my Bowie perspectives.

          Curtido por 1 pessoa

        1. Ah, Amanda! Muito obrigada, de coração, por ter se dedicado a ouvir nosso cast <3 Fico mesmo bastante feliz que você tenha curtido e se emocionado com a gente!
          #FicaDica de que o pessoal do PontoJao sempre faz esses casts. Se tiver interesse, depois passa lá pra ver/ouvir.
          Beijo grande!

          Curtido por 1 pessoa

  2. Por mim pode falar à vontade sobre Bowie! hehe Não sou fã dele, mas gosto bastante de algumas músicas (sobretudo The Stars (Are Out Tonight)) e, convenhamos, é seu blog! Antes de tudo, ele tem de atender as suas necessidades de extravasar sentimentos/opiniões/gosto musical. Imagine se eu parar de escrever crônicas de amor só porque já escrevi n crônicas com temática romântica? Sempre há novas perspectivas para se abordar um assunto, com Bowie não seria diferente, sobretudo considerando a carreira tão longa e prolífica que teve.

    Beijos!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Pois é! O Yellow é meu, né haha
      É que eu sempre tento ter um cuidado de trazer conteúdos que meus leitores curtam também. Com o Bowie, a resposta foi bem positiva, mas como eu andava bastante sentimental, senti um receio de ter exagerado na quantidade. Fato é que ele aparecia antes e seguirá no futuro também… Mais esporadicamente, talvez. Assunto é o que não falta!
      Obrigada, Thaís.
      :*

      Curtido por 1 pessoa

  3. Acho incrível que você tenha trazido tanto do Bowie pra quem não conhecia aqui no Yellow, Lari!
    Ouvi o poadcast todo e adorei.. Me senti com vocês, emocionada e doida pra dar opinião e compartilhar um pouco do infinito que o Bowie trazia pras nossas vidas, né?!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Me faz muuuito feliz saber que você ouviu o cast todinho! Não foi nada fácil gravar e saber que conseguimos fazer as pessoas dividirem emoções conosco é recompensador.
      No fim das contas, acho que Bowie nunca é demais e acho tb que eu soube balancear as coisas nesse meio tempo, hehe.
      Beijo grande, Vera! <3

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s