Por que Taylor Swift ganhou meu respeito + playlist

Hoje é dia de trazer um pouco do universo pop aqui pro Yellow e falar de Taylor Swift. Sei que esse estilo musical não é comum aqui no blog, portanto, se você não curte, apenas leia o post e deixe a diversão maior para quem é fã ou mais adepto ao pop :)

A moça, que tem 24 anos, começou sua carreira em 2006, cheia de influências da música Country, e foi sucesso desde seu primeiro álbum, que alcançou marcas expressivas na Billboard. Ao longo dos anos, Swift foi amadurecendo e até mudou seu estilo musical, sem perder os fãs e sem deixar de ser receber a devida atenção dos críticos. Durante todo esse período, porém, ela ficou conhecida por muitos como a menina que escreve canções para seus ex-namorados. Chegou até a ser alvo de piadas, quando aparecia algum pretendente, que logo era alertado de ser possível tema de um próximo hit da cantora…

Sobre tudo isso, Taylor deu uma resposta simples e direta, que também me agradou muito: “Francamente, eu acho que esse é um ângulo muito sexista. Ninguém diz isso sobre o Ed Sheeran, ninguém diz isso sobre o Bruno Mars — eles todos estão escrevendo músicas sobre suas ex, suas namoradas atuais, o amor da vida deles… E ninguém levanta uma bandeira vermelha quando eles fazem isso”. E fim de papo (ou não).1989

É claro que Talyor não é unanimidade e não está aqui no blog por causa de sua música, que realmente não se enquadra no meu estilo favorito. Ela veio parar aqui porque tem algo que eu admiro muito: a capacidade de ser uma artista e não apenas uma cantora. É Taylor quem escreve e/ou co-escreve as canções que grava e isso é um fato que pode dar a ela mais tempo de vida no concorrido mundo pop.

Bom, ainda tem gente que insiste em pegar no pé dela e dizer que o mais novo ultra-sucesso, o álbum 1989, não é tão original e genuíno quanto dizem e que soa falso…

No fim das contas, Taylor Swift ganhou o meu respeito por sua postura, por buscar ser uma artista mais completa do que muitas de suas concorrentes no mercado e fazer a sua música sem medo de ser feliz e conquistando amizades de respeito no cenário musical.

Everybody wanted me to become a cliche. And I wasn’t going to let it happen – Taylor Swift.

Taylor vs. Spotify – Todos vocês devem ter ouvido falar da polêmica que se criou porque Taylor Swift pediu para que suas música fossem retiradas do Spotify. Para a cantora, os serviços de streaming seriam um dos responsáveis pela diminuição da venda de álbuns pagos e, por isso, não é fácil montar uma playlist bacana com as músicas dela hoje em dia. Nem pelo bom e velho youtube a coisa tá fácil.

Os serviços de streaming estão se colocando no mercado como A solução para que artistas sigam fazendo dinheiro com seus álbuns e músicas no momento atual em que a pirataria e os free-downloads reinam na internet. Taylor parece não querer fazer parte disso e segue sua vida muito bem, obrigada.

Como hoje é dia de playlist, mas é quase impossível fazê-la (eu teria que comprar os álbuns e/ou músicas no iTunes), deixo para vocês um show completo da cantora no IHeartRadio realizado ainda este ano.

ps: Aqui vocês podem ouvir e ler sobre as canções que Taylor escreveu para seu ex. É uma matéria da Rolling Stones Brasil. E aqui, caso saiba inglês, pode ler um colunista da Forbes que, aparentemente, não acha Taylor lá grandes coisa.

* Foto de capa retirada do site da Billboard.

Anúncios

5 comentários sobre “Por que Taylor Swift ganhou meu respeito + playlist

  1. Sabe o que mais encanta nela? É que a Taylor não é uma dessas artistas que quer fazer sucesso simplesmente pelo sucesso. Ela tem um lado humano que eu admiro muito, e que poucos artistas têm, que é se preocupar com o bem estar, se bem dizer, de seus fãs ou de pessoas em geral. Ela não tá muito a fim de fazer cena só para chamar atenção para seus trabalhos, ela realmente se preocupa com o que as pessoas sentem e sentem por ela e faz questão de ir pessoalmente verificar isso e retribuir. Eu chorei lendo uma matéria dela tocando e cantando uma música do Queen num hospital de câncer infantil em Boston. Nem Bono Vox, que me perdoe, que tem toda uma trajetória humanitária conseguiu me tocar assim como a Taylor tocou. Por isso sempre serei uma eterna e grata fã dessa menina.

    Curtido por 1 pessoa

  2. A Taylor me encanta com as atitudes dela, sério. Adoro a personalidade e a coragem que ela tem de se impor pra defender o que acredita. O que ela conseguiu com a Apple e o Spotify vai ajudar muita gente, e só ela pra causar uma comoção dessas. Adorei o post! Muito bom mesmo. :)

    Curtido por 1 pessoa

    1. Fico feliz que eu tenha conseguido agradar uma fã da Taylor com esse post.
      Tenho sim respeito pelo que ela faz, mas estou longe de ser fã #sorry :( Acho que o fato dela ser notícia o tempo todo me incomoda um pouco.
      Mas, estou na expectativa para saber o que ela vai fazer a seguir. Não acho que dê pra continuar nessa vibe de convidar deus e o mundo pro palco a vida toda… Nem sei o quão comercial pop a música dela vai seguir. Minha expectativa é para que ela faça algo mais musical (qualidade que mostrou ter nos primeiros álbuns) e apresente algo que fuja dessa rotina de agora. Potencial ela tem! Vejamos :)

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s