Música que faz sentir: Liability (Lorde)

A série que começou com Dona Cilada Maria Gadu, abre espaço para outras músicas que são carregadas de sentimento.

Tem gente que não vive sem música e tem gente que só se lembra de colocar algo para tocar em uma ocasião especial, seja essa feliz ou não. Eu estou mais para o lado de quem escuta todos os dias, mas acho que, muitas vezes, é quem escuta com menos frequência que consegue dar mais atenção ao sentimento.

Ou, ainda, quem consegue tirar um tempo para  escutar música sem ter que dividir a atenção com mais nada. Foi em uma dessas situações que eu me dei conta do quanto Liability, da Lorde, é capaz de falar comigo.

liability letra

A letra não é (ao menos, é o que se espera) algo com o que a gente se identifica o tempo todo. Isso porque é carregada de melancolia e de um sentimento que só costuma aparecer ou só deveria corresponder a momentos pontuais e difíceis.

Me fez sentir porque eu reconheço em minha própria trajetória alguns momentos aos quais Liability cairia bem. Music is what feelings sound like é o título de um artigo da Psicology Today que explica que as músicas nos ajudam a expressar sentimentos que são difíceis de verbalizar. E é por isso que a letra da Lorde me bate feito um soco no estômago.

E antes que tudo isso pareça muito negativo, acho bom ressaltar que, geralmente, o que é considerado triste tem o poder de nos fazer mais felizes. Acontece com filmes, séries, vídeos, músicas… São obras que nos ajudam a colocar para fora o que nos aflige e, por isso, tendemos a nos sentir melhores depois.

Então, fica a dica do que ouvir quando precisar de uma ajudinha para intensificar as emoções até deixá-las ir e, então, superar qualquer coisa!

Gostou? Me conta aí nos comentários :)

Tradução feita por letras.mus

 

Anúncios

6 comentários sobre “Música que faz sentir: Liability (Lorde)

    1. Achei curioso esse seu comentário sobre o Bowie. Tentarei ouvir “com outros ouvidos”…

      Sobre a letra em si, eu me identifico muito porque quase sempre fui a diferente dos grupos. Até hoje, algumas pessoas justificam que eu mereço mais do que elas podem oferecer ou que sou melhor do que elas de alguma forma (??). Ainda que possa ser uma espécie de elogio, só reflete a dificuldade que temos, em geral, em lidar com o diferente. E, querendo ou não, isso também pesa pra quem é deixado de lado, né.

      Curtido por 1 pessoa

    1. Eu não sei se você já disse. Em todo caso, repetir isso não faz mal :) Obrigada, de coração.
      Eu até já tinha visto essa versão de Homemade, mas coloquei de novo aqui enquanto te respondia. Acho a energia desse vídeo muito bacana porque mostra a Lorde menos performática, em comparação com o que se vê nas apresentações dela. E ainda que eu goste da performance, acho bacana poder sentir mais ela na música do que na sua vivência do palco.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s