Álbum da semana: Badlands

Carnaval não é desculpa para o Yellow ficar desatualizado. É segunda-feira e tem álbum da semana sim, senhores! Espero que vocês esteja ai, firmes e fortes para apertar o play e curtir comigo a Badlands.

badlands
Ouça: Youtube | Spotify

Antes de mais nada, é bom dizer que, se você já conhece Halsey, a cantora americana responsável por esse maravilhoso álbum eletro-pop ou poptronic: sinta-se abraçado/abraçada \o/

MOTIVO DA ESCOLHAHalsey é nova no pedaço. Com apenas 21 anos, lançou seu primeiro EP em 2014 e o primeiro álbum – a indicação de hoje – em agosto do o passado. Resolvi trazer essa novidade para vocês simplesmente porque, desde que conheci, não consegui parar de ouvir. De verdade!

Estou sempre tentando trazer artistas pop pra cá, porque eu sei que tenho leitores que gostam muito desse estilo. Essa é, sem dúvida, uma das escolhas pop mais genuínas que fiz para indicar a vocês até hoje.

POR QUE OUVIR? Ainda não consegui encontrar algo que soe, para mim, como Halsey. Sigo ouvindo as indicações do Spotify – naquela parte de artistas relacionados – e nada… Acho bastante interessante que alguém tão jovem consiga fugir ao lugar comum, trazendo referências como ColdplayNirvana, Alanis Amy Winehouse.

Vale dizer ainda que a moça, cujo nome verdadeiro é Ashley Nicolette Frangipane, compôs todas as faixas do álbum (algumas em parceria). E isso me deixa ainda mais interessada em sua música e no que ela será capaz de trazer para nós no futuro.

Badlands é fruto de uma original mistura de influências interessantes e das dores e da criatividade de uma jovem artista. O nome do álbum e todo o seu conceito estão relacionados a uma sociedade fictícia e distópica que, no fim das contas, é uma metáfora para o estado mental da cantora. Ou seja, um convite para a mente de Halsey.

Informações

LANÇAMENTO: 28 de agosto de 2015

FAIXAS:

1. Castle
2. Hold Me Down
3. New Americana
4. Drive
5. Roman Holiday
6. Colors
7. Coming Down
8. Haunting
9. Control
10. Young God
11. Ghost

Opções para ouvir o álbum estão destacadas na foto da capa, no começo do post!

Anúncios

31 comentários sobre “Álbum da semana: Badlands

  1. Pretty good, but not totally to my taste. Her voice sounded a bit like GaGa in Castle. There is a familiar and somewhat singular sound that is very much her sound in the handful of songs I listened to.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Hey Lari, não sei o esperar vou dar um escutadela e ver o que aconteça. Já alguma vez ponderas-te em ser Dj? Pelo que vejo no teu Blog tens um refinado gosto pela música, acho que deverias avançar seguindo isso.
    Continua o bom trabalho.

    Hasta & Peace

    Kudza

    Curtido por 1 pessoa

    1. Sim! Na verdade, ouço mais as músicas dela em participações do que as solo. Apesar de ser um eletropop também, acho a MO menos alternativa. De qualquer forma, é um som que eu preciso ouvir mais para aprofundar na comparação :)

      Curtir

      1. Acabei de escutar o Badlands (Deluxe Edition). Eis minhas observações:
        1. A sonoridade (meio soturna, visceral) me lembrou muito o álbum Halcyon/Halcyon Days, da Ellie Goulding;
        2. O timbre da Halsey em algumas notas me lembra a própria Ellie Goulding; em outras, Taylor Swift;
        3. A faixa Castle tem um interessante arranjo que lembra uma linha de produção industrial/engrenagem;
        4. Hold Me Down tem algo hipnótico, excelente faixa;
        5. O arranjo de New Americana remete a paradas militares;
        6. Minhas faixas favoritas são Roman Holiday, Strange Love e Hauting, que, ao menos em minha opinião, são as que soam mais intensas e eu realmente gostei muito delas (e de Hold Me Down);
        7. New Americana, Colors e Control são outros grandes momentos do álbum, a meu ver;
        8.Não sou a maior fã de música alternativa, mas gostei bastante da Halsey e bem mais do que eu supunha que iria gostar. Certamente ainda ouvirei bastante as músicas que destaquei aqui.
        9. Gasoline é para mim o momento mais monótono do álbum;
        10. Dou 8/10 para Badlands :)

        Beijos!!

        Curtido por 1 pessoa

        1. Gente, um review completo!
          Sabe que consegui entender essa semelhança com a Ellie? Interessante. Faz tanto tempo que não a ouço que isso nem passou pela minha mente. E Halsey me atraiu de uma forma que Ellie só fez com Burn… Haunting e Hold Me Down também estão entre as minhas favoritas até agora. E New Americana também! Concordo com você que Gasoline não é tão legal, mas acho que não me incomoda muito quando ouço o álbum inteiro. Até porque, depois vem Control e acho que compensa bem.
          Estou feliz que você tenha gostado, Thaís! Vamos ver o que a moça vai preparar pra gente no futuro. Beijo!

          Curtido por 1 pessoa

          1. Quando eu comento um cd eu preciso ao menos fazer um mini review hahahaha O engraçado é que, apesar da semelhança, gostei bem mais da Halsey, pois o timbre dela é menos metálico que o da Ellie, que acaba me irritando muito em algumas músicas (aka Anything Could Happen e aqueles soluços agudos – sim parecem soluços hahaha – no meio da música).

            Curtir

  3. Descobri a Halsey depois de saber que ela vem pro Lolla.. Daí saiu a música com a participação dela no album do Bieber e eu fui atrás das músicas dela novamente..
    Confesso que não é das minhas favoritas, mas acho que ela veio numa pegada pop diferente e isso já é legal por si só, né?! :)

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s